Toes

by

Thiago Toes nasceu em Curitiba e vive em São Paulo. Começou a desenhar influenciado por seu pai e ainda muito cedo conheceu e se interessou pelo grafite. Thiago trabalhou com Nina Pandolfo e desenvolveu um estilo muito próprio, com traços retos e desenhos por vezes abstratos. Toes comenta como se inspira em seus próprios sonhos, sentimentos, etc.

RM: Como foi seu primeiro contato com o grafite?

Foi nas férias em 1998 quando vi um pessoal na quadra em frente a minha casa fazendo um GRAPIXO. Não entendi muito o que estava rolando, daí na semana seguinte começaram as aulas no colégio novo onde eu iria estudar e lá conheci um dos graffiteiros que fez aquele grapixo. Cheguei em casa e fui conversar com meu pai que é desenhista publicitário e eu sempre desenhei por influência dele. Uns dias depois meu pai apareceu com uma revista de graffiti bem velha em casa, que ele encontrou na banca. A partir daí, comecei a reparar no graffiti e na pixação, pois comecei a andar com o pessoal mais velho do meu bairro que pixava e a cada dia fui conhecendo mais o que era este movimento. Daí no colégio fiz meu primeiro desenho na parede, mas eu era muito novo, tinha apenas 12 anos, não conseguia dinheiro para comprar spray e também meu interesse na época era muito mais pixar do que fazer graffiti. Em 2001 fui em um evento em Santo André, vi tantos graffiteiros e estilos diferentes que me chamaram atenção que voltei para casa querendo fazer letra e desenho na rua. No dia seguinte, fiz minha primeira letra na rua. Mas meu contato com estilos e o movimento graffiti foi muito lento, pelo pouco acesso (ao material) e porque havia poucos graffiteiros na minha cidade. Só no final de 2002 para 2003 comecei a pintar um pouco mais na rua e entre 2005 e 2006 foi a época que entendi mais o que era o graffiti e o que ele representava e assim eu fui buscar algo além do graffiti ou coisas ainda não descobertas dentro dele.

RM: Percebe diferenças de estilos de acordo com os lugares?

Claro. Cada região – bairro, cidade, estado, país – tem seus estilos que a diferenciam de outros lugares. Porque cada lugar teve alguém que começou e então este primeiro acabou influenciando todos os outros que vieram depois. E acredito também que em cada lugar existem diferenças de estilo pela cultura ao redor, ou pelo estado financeiro ou por movimentos que possam ter existido no lugar muito antes.

RM: O seu trabalho ou parte dele é considerado abstrato… Você acha importante esse tipo de distinção entre estilos?

Para ser bem sincero, eu nunca parei para pensar sobre isso, se parte dele é abstrato ou não, porque na verdade eu nunca me importei com isso, em seguir distinção de estilos e etc. Meu trabalho tomou este rumo por aquilo que tive influência na minha vida, e principalmente pelas coisas que meu pai criava em casa, mas tudo isso nunca pensando só em influências abstratas, porque gosto de muitas coisas e acredito também que meu trabalho direciona para várias coisas, pois sonhos não tem limites.

RM: Que coisas te influenciam? Que outros artistas?

Sempre sonhos, o contato com a atmosfera humana, sentimentos, meu mundo que carrego aqui dentro. A relação com as pessoas, no começo com meu pai e a partir dele vários outros artistas, desde músicos, escritores, artistas plásticos, fotógrafos, enfim, tudo que você vê, ouve ou sente pode ser sua influência, mas depende só de você conseguir saber o que lhe toca mais.

RM: Que outros artistas você indica pra gente?

Tenho vários artistas para indicar que eu gosto muito: todos os meus amigos da minha crew – porque todos eles são pessoas de muito talento – e outros como Robert Kaltenhauser, Peter Michalski entre outros… Mas tem uma pessoa com quem trabalhei por um tempo que me ajudou muito a trabalhar como um artista e me ensinou muita coisa no mundo da arte em todos os aspectos: a Nina Pandolfo, uma grande artista e amiga.
Agradeço também ao Finok, um grande amigo, um irmão.

Anúncios

Tags: ,

Uma resposta to “Toes”

  1. jacquee1979 Says:

    Tenho muito orgulho de ter visto crescer o artista Toes e o menino Thiago Henrique! Parabéns

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: